segunda-feira, 10 de setembro de 2007

Outro outono

The Kiss, Rabi Khan



Estes olhos que fitaram os meus
há instantes,
quisera fossem os seus,
órbitas distantes,
mas foram-se ligeiros,
como outra estação

Estas mãos que se estenderam
às minhas,
naquela hora,
Quisera fossem as suas,
muito embora,
não possuam calor,
nem suor,
nem paixão

Estes lábios que falam aos meus
no presente,
quisera fossem os seus,
muito quentes,
mas sussurram palavras oblíquas,
num esforço oco
e vão

Estes corpos suados, entrelaçados,
nesta cama,
Quisera fossem os nossos,
óleo e chama,
incendiando desejos,
entorpecidos
de tesão

Este perfume que senti
há um segundo
Quisera deixasse seu rastro
neste mundo,
mas perdeu-se no ar, com o fim
de outro verão

Esta nova estação que chega
justo agora,
Quisera fosse mais que outro outono,
e levasse a saudade
embora...
e deixasse cair folhas secas
ao vento,
no chão...




p.s.: Em que estação estamos mesmo?


...


E a belíssima ilha de São Luís do Maranhão completou 395 anos de fundação neste último dia 08 de setembro. Uma das cidades brasileiras de maior diversidade cultural, possui diversos cognomes: Atenas brasileira, Ilha rebelde, ilha do amor...

Um amor é a Fernanda Passos do Poesia na veia, que é lá da ilha e concedeu um Certificado Blog para o Prosa Eletrônica... Agradeço à Fernanda o carinho... E agora é preciso indicar cinco blogs que mereçam este certificado.
Sendo assim, aponto abaixo os cinco que, de acordo com o estabelecido, deverão nomear mais cinco. E assim por diante.

Lino Resende
Poemusicas, Naeno
Delicatessen
Transmimento de Pensações
Van Filosofia

21 comentários:

Lidiane disse...

Primeirona de novo.
Êba!

Adon, dessa vez, não estou com inveja da sua musa inspiradora.
O poema é muito, muito lindo, suave e sonoro.(aliás, você tem andado muito inspirado).
Mas, o "quisera" deixou no ar o sentimento de vontade não satisfeita. De paixão não realizada. E, isso maltrata.

Parabéns pelo certificado!
Merecido demais.

E obrigada pela indicação do Delicatessen.
Você, como sempre, um cavalheiro.

Beijoca.

Tamara disse...

Querido,

HOje, dei rápida passadela e notei que você postou muitos dos textos que desejava há um tempo atrás.

Depois volto e delicio-me melhor.

B-joletas.

Saudadinha.

ALINE disse...

Adão!
Bárbaro!
Bjs

LÉA MARTINS disse...

Adão,
Esta é uma de minhas preferidas!
Muito boniiiiita!

bjs / Léa

Anônimo disse...

Parabéns

Ao amigo poeta ou poeta amigo.

Voce merece sempre.

Gerson

Beatriz Mendes disse...

Adão,
Parabéns pelo certificado!
Certamente "melhores momentos virtuais" é uma boa tadução para o que sente quem te visita aqui.

Beijo,
Bia

Fernanda Passos disse...

Quisera eu falar do ciclo da natureza com tu falas.
E o prêmio é mais que merecido.
bjs.

ANA PAULA disse...

Adão,
Eu achei triste este poema, mas muito bonito, pelo sentimento que ele expressa.

Parabéns e beijos

CRISTIANE LINS disse...

Uma linda história de amor, em poucos versos, mas de extrema qualidade!
Parabéns, Adão!
Bjs, Cris

MURILO CAMPOS disse...

E quem não viveu um amor tão intenso, como este, não sabe o que perdeu...

belo poema e parabéns pelo prêmio.

ANA SEABRA disse...

Querido,
Você merece todas as láureas possíveis, pode ter certeza.

beijinho

Sheherazade disse...

Adão,
Esse poema ficou lindíssimo! Quem tem uma inspiração assim merece todos os certificados. Gosto de tudo o que escreves, mas esse aí me falou bem no íntimo. Show! Parabéns!!!

Beijo graaaaaaaaaaande.

LORENA disse...

Adão querido:
Inspirador e inspirado o seu poema, romãntico e belo!
parabéns por tudo!

Anônimo disse...

Voce é o poeta de QUALQUER ESTAÇÃO...

Edson Marques disse...

Adão,


Poema encantador!


E a estação que estamos?

- Primavera!

Sempre.

Abraços, flores, estrelas..

Van disse...

Uia! Adoreii!!!!
Poxa, querido, que delícia!
Andava tão sumida das casas dos amigos.
Estava em fase esquizóide, recolhida às minhas cavernas.
Agora que volto, recebo essa delícia de presente!
Perdoe a demora em voltar aqui.
Você sempre tão gentil e generoso!
Tô emocionada.
Conserto o erro hoje mesmo, amore!

Milhões de "Muito Obrigados!"

Estava mesmo precisando disso!
Hoje descobri que figuro numa lista NonSense dos “50 Piores blogs do Brasil”. O critério do blogueiro em questão foi pessoal.
Diz ele sobre o meu blog: “Outra que precisa ser avisada do advento do parágrafo.”
Penso que ele é que não sabe ainda do “advento da Licença Poética”.
Enfim, dei ao tal blogueiro uma resposta simpática, mas o fato é que fiquei pensando se devo ou não devo mudar minha forma e estilo de escrita.

Enfim, seria esse um fracasso?
Ou um sucesso, já que se eu chamo a atenção a esse ponto significa que tô podendo?
E agora, José?

Tô indo já inserir vc no post, lindo! Adorei!
Beijucas

Van disse...

Prontinho, amore!
Devidamente citado e linkado!
Beijucas
;)

Acordado até essa hora?
És como eu, então. Não dorme....

Beijucas

Van disse...

Ai, tadinho!
Daqui a pouco e nem descansou.
Bem, se quiser bater um papinho qq madrugada dessas e "meter o pau" em blogueiros maldosos de plantão, tamos aí. Meu MSN é van@mahalilla.com.br

Obrigada pelo apoio às minhas palavras "desparagrafadas"!
;)

Beijucas

LÍVIA disse...

Parabéns, Adão.

Pelo prêmio e pelo lindo poema!
Em sempre tenho a impressão que preciso voltar mais vezes aqui!
Bjs

Crys disse...

Vim aqui agradecer sua participação no Jardim. Que bom que a rapidinha tem alcançado o objetivo que é de aproximar cada vez mais os amigos da blogsfera. Espero que vc retorne ao Jardim mais vezes, teremos sempre outras rapidinhas...rsrsr

Fiquei encantada com teu canto, bela poesia, belo cantinho! Li e reli e assim como quem não quer nada sem mudar o apreço, fui saboreando cada palavra, cada verso e me encantando com momentos que ficam na memória, coisas que mantem a alma feliz.

Vou ler mais, dá uma voltinha nos antigos poster, dá licença...

Beijos meu querido!

Anônimo disse...

Qisera!


Bjs

Ana

Postar um comentário

As opiniões aqui postadas são de responsabilidade de seus autores. O Autor do blog somente se responsabiliza pelo conteúdo publicado e assinado pelo próprio.